04/01/2010

Komãyare Ashaninka fala sobre o artesanato Ashaninka



Por Fibras e mais fibras, 02/01/2010

O artesanato do povo Ashaninka é um dos mais conhecidos no Acre, pela qualidade e variedade.

O pesquisador Komãyari Ashaninka dá diversas informações sobre as peculiaridades da arte de seu povo.

Ele conta - em material preparado pelo coordenador Amilton - que as esteiras são feitas de talas e olho de palmeiras como o buriti, patoá, cocão, ouricuri e Jaci.

Geralmente quem faz as esteiras são as mulheres; na tradição cultural os homens não podem fazer.

Já as tipoias ou tangas são de algodão e tecido em linha e feitas manualmente pelas mulheres ashaninka. Os homens não fazem nem usam. Só as mulheres usam como enfeite e também para carregar o bebê. As bolsas são feitas de algodão, manualmente.

A mulher é quem faz, o homem só ajuda a fazer os enfeites. A bolsa só é usada pelos homens. A mulher Ashaninka faz bolsa para seu pai, seu marido ou seu filho.

Quando a moça é solteira também pode fazer bolsa para vender. A flauta é feita de taboquinha, que tem resistência e toca por muito tempo, segundo Komãyari.

Uma das peças mais valorizadas da cultura Ashaninka é o txooshiki, um colar grande feito de sementes da mata que é usado no corpo, cruzado.

É um adorno masculino, feito pelos homens. As mulheres podem ajudar o marido, mas não podem usar.

Saiba mais aqui!

Um comentário:

EUDIRAN CARNEIRO disse...

Sou o professor Eudiran Carneiro de Senador Guiomard e tenho um blog e gostaria muito de participar da rede de blogueiros do Acre.
Já o tenho em meus favoritos e vou adicioná-lo em meu blog; se possível faça o mesmo no seu...
Obrigado e boa noite!
emaill: eudicarneiro@hotmail.com
blog: eudirancarneiro.blogspot.com